Chinatown e Little Italy

O bairro de Chinatown é um mundo à parte no meio de Manhattan. São 12 quarteirões e uma comunidade enorme de imigrantes chineses. Eles estão nesse bairro desde 1850, mas tomou maior proporção a partir de 1965, quando as leis de imigração ficaram mais tolerantes. As ruas são bem movimentadas e chegam a ser um pouco bagunçadas (hehe), por ter tantas lojas, barracas, restaurantes e vendedores.

20161113_155335

Se você quiser comprar bugigangas, esse é o lugar. Tem de tudo, desde produtos chineses e souvenirs bem baratinhos, até produtos de grife falsificados como: bolsas, tênis, perfumes, óculos e até relógios. Para comprar lembrancinhas (souvenir) é um ótimo lugar, pois os preços são bem em conta, mas cuidado com os produtos falsificados, principalmente os perfumes. A maior parte do tempo enquanto anda pelas ruas, vários vendedores vão tentar te vender relógios rs. E por aqui passa o “rapa” também e os ambulantes têm que correr para não serem pegos rs.

20161113_1556312

Além de muitos, mas muitos chineses pelas ruas (você praticamente não ouve as pessoas falando inglês), as placas pelo bairro são muito legais, pois estão escritas em inglês e chinês.

Durante os finais de semana, o Columbus Park – uma pequena praça localizada na Mulberry St – vira uma atração à parte. Muitas famílias e grupos de amigos moradores do bairro se reúnem para se divertir nos moldes tradicionais da China: dança, jogos de azar (cartas e gamão), canto ou simplesmente para assistir a tudo isso como espectador.

20161113_1556312
Um lugar legal para conhecer é o Mahayana Buddhist Temple: um templo budista, considerado o maior de Nova York. Mas também é muito legal andar pelas ruas meio sem rumo, pois a cada esquina você descobre uma coisa interessante.

Caso  queira se organizar, há um quiosque de informação chamado “Explore Chinatown” localizado nas ruas Canal St, Walker St & Baxter St. Funciona de segunda a sexta, das 10:00 hs às 18:00 hs e sábados e domingos das 10:00 às 19:00 hs. Além de informações, também são fornecidos mapas gratuitos, guias e folhetos.

20161113_161112

Agora falando do Little Italy…

20161113_153641

Por ali também tem o pequeno bairro chamado Little Italy, que você pode fazer no mesmo dia, porque os dois são coladinhos. O Little Italy já foi famoso por abrigar uma grande quantidade de imigrantes italianos, mas nas últimas décadas ele tem “encolhido” por causa da expansão de Chinatown. No entanto, ainda é muito conhecido (e procurado!) por seus restaurantes italianos tradicionais. Nessa parte não tem tantas lojas e barracas, é um pouco mais organizado rs. Uma delícia de passear por ali também.

Na verdade é um bairro legal para comer. O trecho da Mulberry Street entre a Broome St e a Canal St é o que restou do antigo bairro italiano. Por ali você encontra pouco mais de 20 restaurantes italianos populares. 

O que indico é o Pepe Rosso Social. A comida é boa, o preço é ok e o atendimento é muito bom. O endereço é 173 Mott Street.

20161113_164145

O lugar é uma graça e tem um ar meio romântico. Não é tão grande, mas é super aconchegante. Vale a pena!

Se quiser dar uma olhada no menu do restaurante, o site deles é: http://www.peperossosocial.com/

Tem várias linhas de metrôs que passam tanto por Chinatown, quanto Little Italy, pois como eu disse, os dois bairros são bem pertinho um do outro. Você pode pegar a amarela (N,Q,R), a verde (6) ou a laranja (D).

Bom passeio!

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.